Menu

Injecção de cortina

More Informations
Filter
Filter
Page
12

INJEÇÃO DE CORTINA (INJEÇÃO DE GEL)

Um sistema de vedação posterior comprovado na prática na construção de túneis, para estruturas de engenharia civil, edifícios residenciais e industriais, estacionamentos, canais subterrâneos, de esgoto e água. A injeção de cortina com gel acrilato (resina de estrutura hídrica) proporciona uma vedação em construções em contato com o solo ou com terra derramada de dentro para fora, assim como o preenchimento de passagem tais como rachaduras, falhas, vãos e juntas. A técnica de injeção e os injetores apropriados e um projeto de saneamento feito por um especialista garantem o sucesso da vedação da edificação.
Schleier- und Flächeninjektion
Curtain and masonry injection

PDF german/english
PDF german/french

Requisitos para o injetor

  • Fixação segura no componente nas pressões de injeção condicionadas pelo processo
  • Resistência à corrosão para as peças que permanecem nos componentes
  • Possibilidade de bloqueio
  • Seção transversal ajustada à quantidade requerida de transporte e às características de fluxo da substância de injeção
  • Válvulas de retenção com baixa abertura de pressão

Injetor

  • Injetor de perfuração (injetor de aço)
  • Injetor de impacto (injetor de plástico)
 

Passos de trabalho

  • IOs furos ordenados perpassam toda a construção de dentro para fora conforme um determinado esquema de perfuração relacionado ao objeto.
  • Os injetores são posicionados e injetam nos furos.
  • O prédio é cercado por terra/areia. A cortina de gel entra na estrutura de poros formando uma mistura que impede a entrada da água na construção ou nas juntas expandidas.

Áreas de aplicação para vedação posterior

  • Injeção de cortina no terreno
  • Injecção de juntas móveis
  • Injeção de vãos da edificação
  • O material de injeção de líquido de baixa viscosidade repele a água existente e forma com a terra ao redor uma vedação elástica ou um corpo de injeção elástico

 

Exemplos de objetos

  • Túneis
  • Estruturas de engenharia civil
  • Edifícios residenciais e industriais (adegas, porões)
  • Estacionamentos
  • Construções profundas e de canais (instalações de esgosto, metrô)
  • Hidráulica (eclusas, câmaras, canais de passagem)
scroll top